Início Jogos Bíblicos Imprimir Jogos Testes Bíblicos Estudos Bíblicos Papel de Parede
Piadas Evangélicas Pintar Desenhos Bíblicos Videos Evangélicos
Contos Evangélicos Mensagens Evangélicas Poemas Evangélicos Versículos Bíblicos
Termos de Uso
Últimos Tempos / Notícias, Reportagens e Comentários

17.8.12

Poema Evangélico - Ao Deus dos Livramentos

(No Estilo de um Salmo)

O Senhor calou a voz dos meus inimigos, silenciou-os,
Pôs um freio em suas línguas quando zombavam de mim.
Ocultavam-se em densas trevas preparando armadilhas,
Mas o Senhor estendeu a sua mão poderosa
E eles ficaram aprisionados no seu próprio laço,
Caíram no buraco que estavam cavando para mim.
Agora alcanço compreender como sentia-se Davi
Quando entoava louvores ao Deus que livra dos perseguidores.
E assim, também eu cantarei e louvarei a Tua misericórdia,
Pois o Senhor estabeleceu um breve tempo
Durante o qual os iníquos elevam as suas vozes
Para se vangloriarem, cheios de vento e vãs murmurações,
Até que se encham as medidas das suas iniquidades –
Como foi nos dias de Abraão, e nos dias da escravidão de Israel.
(Então Ele chamou o Seu povo, e em suas mãos colocou a espada
Para exterminar da terra os que aborreciam as suas leis.)
Ó Deus, também hoje coloca em nossas mãos a espada
Da Tua palavra, a fim de que o mal que se aninha nos corações
Seja extirpado, e os praticantes de iniquidades envergonhem-se
E calem-se, atemorizados à visão do Juiz que não esperavam.
Eis que eles avançam empurrando, blasfemando, derrubando à direita
E à esquerda, e caem, vão caindo no abismo a sua frente,
Tornados cegos pela própria maldade.
O Senhor, no tempo apropriado, responder-lhes-á.
A sua memória não permanecerá sobre a terra,
Nem haverá, na grande congregação dos justos,
Registro de suas vidas efêmeras.
Nós, porém, ouviremos a Tua voz, ó Senhor,
E louvaremos a Tua justiça,
Que desde sempre nos tens concedido.

Nenhum comentário: