Início Jogos Bíblicos Imprimir Jogos Testes Bíblicos Estudos Bíblicos Papel de Parede
Piadas Evangélicas Pintar Desenhos Bíblicos Videos Evangélicos
Contos Evangélicos Mensagens Evangélicas Poemas Evangélicos Versículos Bíblicos Termos de Uso
Últimos Tempos / Notícias, Reportagens e Comentários

26.9.16

Palavras Cruzadas Evangélicas 177

Caça Palavras Bíblico 177

Mensagem Evangélica 0095 - Compreensão


Mensagem Evangélica 0094 - Compreensão


Mensagem Evangélica 0093 - Mau-Caráter

Para enviar para alguém esta mensagem evangélica por email clique no link abaixo (o envelope com uma seta)


Mensagem Evangélica 0092 - Igreja

Para enviar para alguém esta mensagem evangélica por email clique no link abaixo (o envelope com uma seta)


Mensagem Evangélica 0091 - Obra de Deus

Para enviar para alguém esta mensagem evangélica por email clique no link abaixo (o envelope com uma seta)


7.9.16

Septuaginta - Salmo 72

O Salmo 72, na Bíblia massorética, termina com as seguintes palavras: "Findam as orações de Davi, filho de Jessé." Na Septuaginta, as palavras finais são semelhantes: "Os hinos de Davi, filho de Jessé, encerram-se." Somente que na primeira, no início do Salmo, está escrito: "Salmo de Salomão". E na outra: "Para Salomão". Claramente, a Septuaginta tem o título correto, e foi Davi quem escreveu este Salmo. É a oração de um pai desejando todo o bem para o reinado de seu filho.



Para Salomão.

1 Ó Deus, concede o teu julgamento ao rei, e a tua justiça ao filho do rei,
2 para que ele possa julgar o teu povo com justiça, e os teus pobres com juízo.
3 Que os montes e as colinas tragam paz ao teu povo.
4 Ele julgará os pobres do povo com justiça, salvará os filhos do necessitado e derrubará o falso acusador.
5 Continuará ele enquanto houver sol e diante da lua, para sempre.
6 Descerá como a chuva sobre um floco de lã, e como gotas caindo sobre a terra.
7 Nos seus dias a justiça haverá de brotar, e abundância de paz, enquanto a lua não for removida.
8 Terá ele domínio de mar a mar, e desde o rio até os confins da terra.
9 Os etíopes se prostrarão perante ele, e os seus inimigos lamberão o pó.
10 Os reis de Társis e das ilhas trarão tributos; os reis dos árabes e de Sebá oferecer-lhe-ão presentes.
11 E todos os reis o adorarão; todas as nações o servirão.
12 Pois ele livrou o pobre do seu opressor, e o necessitado que não tinha quem o ajudasse.
13 Compadecer-se-á do pobre e do necessitado, e livrará as almas dos indigentes.
14 Libertará as suas almas da usura e da injustiça; seus nomes serão preciosos diante dele.
15 Viverá, e se lhe dará do ouro da Arábia, e os homens deverão orar continuamente por ele; e todo o dia o louvarão.
16 Haverá um estabelecimento na terra, sobre os cumes dos montes. Seu fruto será exaltado acima do Líbano, e os da cidade florescerão como a erva da terra.
17 Seja abençoado seu nome, para sempre! O seu nome permanecerá mais tempo do que o sol, e todas as tribos da terra serão abençoadas nele. Todas as nações o chamem bem-aventurado.
18 Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, o único que faz maravilhas.
19 Bem-aventurado é o seu glorioso nome para sempre, para todo o sempre. E toda a terra se encherá com a sua glória. Assim seja, assim seja.
20 Os hinos de Davi, filho de Jessé, encerram-se.

Dinossauros na Bíblia

Há uma passagem muito interessante no livro de Jó, falando de um certo animal, com um nome estranho que os tradutores, sem saberem o que é exatamente, traduzem às vezes por elefante, às vezes por hipopótamo. O problema é a cauda. Os dinossauros tinham uma cauda poderosa, e os elefantes tem um abaninho (a cauda do hipopótamo ainda é menor do que a do elefante). Com certeza, trata-se do nosso velho conhecido, o dinossauro, provavelmente o braquiossauro, que usava a cauda poderosa como arma de defesa. Isto prova a existência de dinossauros na Bíblia, e também diz quando eles foram criados: no mesmo dia que o homem.